quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

CAMPEÃO DE TUDO

por Alex Degani

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Estréia no Gauchão
O maior vencedor dos pampas estreou descaracterizado (atuando com a equipe sub-23) e não saiu do empate em 1 x 1 contra o fragilizado Passo Fundo, em jogo válido pela primeira rodada da Taça Piratini. Cassiano foi o nome do gol colorado. Iniciar o ano com gol do Cassiano? Mal presságio.
 
Pré-Livertadores
Hoje é dia de torcermos pelo futebol do RS, representado pelo time azul, o qual tem colhido resultados inversamente proporcionais à altitude de Quito. Hoje também comemora-se o aniversário do músico Nasi, do Ira! Coincidência ou não, ele já regravou a canção "Epitáfio", dos Titãs. Afinal, qual será a frase escrita sobre o túmulo do Grêmio?

Freud Não Explica!
Freud já ensinou que tudo na vida é casa, comida e sexo. Coitado, não sabia nada. Como pode ter esquecido do botão na mesa e da cerveja no botequim. Por falar em bar, estava numa dessas "rodinhas" (onde todos são Ronaldo: barrigudos, comedores e artilheiros - biótipo de Badia, Júnior, Jota Bahia, Augusto & cia) e a pauta foi o nome de Gabriel. Que desculpe-me o anjo, mas o Inter fez um pacto com o demônio ao trazê-lo. Ao soar tal nome na roda, vermelhos - com os zigomas ruborizados - mostraram descontentamento análogo ao do Paulo Schemes disputando Estadual de Equipes ao lado do forte (fora das mesas, é claro) Leandro Brandão. Já os azuis mostraram um sorriso sardônico, cheios de significados duplos e até alguns triplos, como se não houvessem bancado um salário astronômico para esse pseudo-lateral. O certo é que, após quimioterapia, os azuis se livraram deste câncer. E tal tumor malígno metastizou-se no corpo do Dunga! Tomara, que no final do ano não estejamos na UTI, respirando por aparelhos!

Despedida
Substantivo feminino que é sinônimo de acabamento, de adeus, de fim. Quando será a última despedida do Olímpico? 

Pelotas Adidas
Ver o menor time da cidade de Pelotas patrocinado pela melhor marca de material esportivo (não comparem as "três listras" com a Nike. Façam-me o favor!) é como ver o Nero fazendo mesa de liso, ou então assistir o Alam Casartelli vencendo uma Taça RS. Sabe quando acontece uma coisa que não se imaginava? Enfim, uma piada. Por falar no "meigo" Pelotas, estreou no Gauchão com um revés frente ao quase centenário Zequinha, em um jogo fraco tecnicamente, tipo um embate botonístico entre Bernardes e Pedrinho.

Imperador
De Beckenbauer dizia-se que ele não sabia qual era a cor da grama. Porque jogava sempre de cabeça erguida, não precisava olhar para a bola para esticar um lançamento perfeito ou um passe macio ou um chute seco. Donde seu epíteto: "Kaiser". Que nada tem a ver com a péssima cerveja, por favor! Kaiser era o imperador da Alemanha – Kaiser, como Kzar na Rússia, ou Cajú na Franzen, vem de César, que remete a Roma Antiga. Por falar em Roma, seria um erro crasso não destacar o chefe de nosso triunvirato - Daniel Maciel - o qual publicou no Facebook seu novo livro de cabeceira: Cinqüenta Tons de Laranja.

Abraço a todos os amigos do futmesa, em especial aos torcedores azuis bi-rebaixados!

3 comentários:

Fabio disse...

Parabéns, além de mestre nas mesas, dando show na coluna.

FUMEP disse...

Pô Alex,dizer que o Passo Fundo é fragilizado é sacanagem. Esse termo aplica melhor ao Inter, já que esse sub 23 não conseguiu vencer o "fragilizado" Passo Fundo. Você mesmo crítica o autor do gol colorado, então quem é o fragilizado?

lhroza disse...

LH.ROZA
ALEX...quanto as "novas camisas"dos LOBOGY's elas são do Paraguai...e + estão querendo vender p/R$-200,00
Só pode ser piada...