terça-feira, 2 de abril de 2013

CONEXÃOHallal



















Não só o futebol de mesa viveu uma semana agitada. No futebol de campo, muitas alegrias (de meu muito bom grado, diria um amigo) me foram dadas pelos times que formam o mosaico acima. O forte São José, do amigo Jefferson, empatou com o time da beira do rio. O Cruzeiro, mesmo após a saída de Montillo, conseguiu vencer o time da arena OAS no estádio de porcelana. E o Cerâmica, com uma atuação de gala, venceu o ecpelotas em Gravataí. Claro que G__ __ __ __ só com o P __ __ dos outros seria inadequado. Por isso, o meu Xavante também fez a sua parte, goleando o time do Figueira na estreia da segundona gaúcha. Parecia até jogo do Franklin contra certo gaúcho no Brasileiro do ano passado, tamanha a superioridade do Xavante.

No futebol de mesa, o grande destaque da semana passada foi o título de Gothe nos rápidos no campeonato comemorativo ao aniversário da capital. Inclusive, Gothe lidera com folgas a enquete no Blog da Academia (www.academiafm.blogspot.com) sobre o principal lisista entre os campeões do final de semana. Realmente é um dos principais expoentes da modalidade no Rio Grande do Sul, quiçá do país. Poderia escrever muito sobre a heroica conquista do Bávaro Cavador, mas o Dr. Maia já o fez, com as seguintes palavras:

“Título em excelentes mãos. Parabéns ao cara que sabe ganhar, perder, empatar e participar. Enfim, parabéns ao cara que sabe o seu tamanho e a sua grandeza dentro do futebol de mesa”.

Justa a homenagem do Dr. Maia ao nosso editor. Por outro lado, outra notícia vinda de São Lourenço deixou a todos apreensivos: é dada como certa a migração de Seu Ênero para os lisos.

O Lagoão se avizinha e Augusto Nedel busca o título do Lagoinha, que escapou alguns anos atrás. Voltando a Copa do Brasil, parabéns para Pica-Pau, um botonista com cabelo de pipoqueiro (Neymar, Pedrinho, etc), mas jogo de campeão (Carraro, Alênio, etc). A participação gaúcha no sênior foi uma vergonha, com exceção do Xavante Nilmar. Sérgio Oliveira, Carlos Kuhn, Osmar Iost e Zilber deram vexame em casa. André Marques até que chegou perto, mas sucumbiu a boa arbitragem na disputa do terceiro lugar. No Master, Pizza Pai era nossa esperança, mas fez uma campanha fraca, priorizando assistir aos jogos do filho. Falando nele, Daniel Pizzamiglio pôde finalmente comemorar a liberdade.

ÔÔÔ, o Pizza voltô, o Pizza voltô...

Alguém sabe notícias do Cristian Costa? Estou começando a achar que ele errou alguma cavada e sofreu o contra ataque.

Há braços a todos os leitores do Blog, em especial ao Carraro, que no último dia da Copa do Brasil lançou a seguinte pérola:

“Agora que eu não tenho mais chances...”

Será que ele achava que tinha chances antes?

10 comentários:

Dr.Maia disse...

Pedrinho, preciso te agradecer por relembrar minha linda homenagem ao Gothe.

Há braços!

ps: te aguardo no Lagoão para realizarmos uma partida de 45659 toques.

Pedrinho Gmail disse...

Se o Cristian Costa reaparecer, podemos fazer um triangular, onde o importante é o número de jogadas.

Há braços


Ricardo Gothe disse...

Não sei quanto ao Carraro, mas eu sigo seu fã, rsrs...

Abraço,
Gothe.

Gabriel disse...

esperava algo mais deste colunista!!

Pedrinho Gmail disse...

E eu esperava chutes melhores desse botonista, especialmente com o ponta esquerda.

Pedrinho Gmail disse...

Gothe, não sei se estás acompanhando, mas o Marcelo Vinhas colou em ti na enquete do Blog da Academia (www.academiafm.blogspot.com).

Ricardo Gothe disse...

Pedrinho,

Quem é este tal de Vinhas ? rsrs...

Abraço,
Gothe.

Pedrinho Gmail disse...

EXTRA, EXTRA, EXTRA

Bomba no Blog do Breno:

Geraldo Santanda onde se joga apenas a modalidade cavado está iniciando preparativos para jogar também agora a modalidade liso. Comando deverá ser do amigo Régis Castilhos. Tomara que emplaque.

luciano carraro disse...

estadual chegando Pedrinho na minha chave primeiro tempo Pedrinho 2x0 Crraro o final td mundo sabe como foi rsrs abraços

Pedrinho Gmail disse...

Carraro, essa coluna foi ontem...